Imagem capa - Amamentação por Karina Ferreira Frias

Amamentação

A amamentação é uma forma maravilhosa de nutrir e criar laços com seu bebê. É um processo natural que pode ser desafiador inicialmente, até que você se acostume com ele. 

Amamentar seu bebê traz uma série de benefícios. O leite materno contém minerais e nutrientes que ajudarão seu pequeno a crescer. Ele também diminui as chances de: Infecções no ouvido, alergias, eczema, asma, vômitos, diarreia, pneumonia, diabetes juvenil, obesidade na adolescência e idade adulta, síndrome da morte súbita infantil (SMSI).

Alguns estudos afirmam que o leite materno também ajuda no desenvolvimento saudável do cérebro de seu bebê.

O bebê não é o único beneficiado, a mãe também se beneficia com a amamentação. Amamentar fortalece o laço entre mãe e bebê, pois estimula a liberação de ocitocina, o “hormônio do amor”, que também ajuda o útero a voltar a seu tamanho antes da gravidez. O leite materno é conveniente, não requer preparação e está sempre disponível. Outra vantagem: a amamentação pode diminuir o risco de desenvolvimento do câncer de mama, câncer de ovário e diabetes tipo 2.

A amamentação também pode ajudá-la a perder o peso ganho durante a gravidez, pois usa parte da gordura acumulada durante esse período. Assim, você perde peso no lugar certo para o seu corpo. Porém, não se preocupe se seu peso não diminuir rapidamente, pois seu corpo vai precisar da gordura conforme seu bebê cresce e demanda mais leite.

A amamentação é um processo natural, mas pode levar tempo para que você e seu bebê entrem em uma rotina estabelecida. Na realidade, muitas mães precisam de ajuda em algum momento.  Você também pode buscar ajuda de um(a) consultor(a) de amamentação para ajudá-la a aprender técnicas de amamentação.